Blog do Maria

20/02/2010

Raposa depena o galo e tira um sarro em Luxemburgo

                           Máfia Azul

O Galo na boca da Raposa

 

Deu Raposa no Mineirão: 3 a 1. Se os cruzeirenses vão comemorar a noite inteira,  o pessoal do Atlético não conseguirá dormir. Roger, que estreou foi o destaque do jogo. Entrou no segundo tempo e decidiu a partida que estava empatada em 1 a 1 e o Atletico incomodava bem mais que o próprio Cruzeiro: o apoiar cobrou um corner e  colocou a bola na cabeça de Leonardo Silva, que desempatou aos 37 minutos; pouco depois, aos 43, o estreante limpou uma jogada na entrada da área e soltou uma bomba de canhota no ângulo de Carini. Um  golaço.

Vanderlei Luxemburgo deixou o campo possesso com a torcida cruzeirense, que tirava um sarro, gritando seu nome sem parar. O técnico entrou na pilha e deu uma banana para a torcida cruzeirense.

Com a vitória, o Cruzeiro chegou aos 12 pontos, um ponto a menos que o líder Democrata e colocou seis de vantagem sobre o Atlético. Acorda o Galo, Vanderlei.

 

 

Por Maria às 22h55

Botafogo decide com 6 a 0 atravessado na garganta

Na decisão da Taça Guanabara, o duelo entre as duplas Dodô e Philipe Coutinho, do Vasco, contra Herrera e El Loco Abreu, do Botafogo, promete. Se a primeira parece mais afinada, a alvinegra melhora a cada partida. Tem tudo para ser uma grande decisão.

A impressão é a de que o Botafogo entrará em campo com a goleada de 6 a 0 diante do próprio Vasco atravessaa na garganta, um resultado que culminou com a demissão de Estevam Soares e a contratação de Joel Santana, que, embora não conhecesse todos os jogadores pelo nome,  melhorou a qualidade da equipe.

Quem vai ganhar? Não sei. Para mim, as duas equipes são parelhas. Uma coisa não se pode negar: o time de Vagner Mancini está muito bem ajustado e sua campanha lembra a do Corinthians na temporada passada, que, subiu para a Série A do Brasileiro, e no Estadual acabou campeão. E se o Coringão se reforçou com o Fenômeno, o Vasco contratou Dodô, que é o artilheiro.

Boa sorte para os dois tims e muita paz entre os torcedores.

 

Por Maria às 16h08

Como se comportará o Verdão de Zago?

Quarta-feira passada, o técnico Antônio Carlos Zago entrou no Palestra Itália, comandando o São Caetano. Sua equipe goleou a do Palmeiras por 4 a 1. Muricy Ramalho foi sumariamente demitido.  Este domingo, ele volta a pisar no mesmo local como técnico do Verdão. O adversário será o poderoso São Paulo. Que estréia hein Zago... você sequer teve tempo para treinar a equipe.

Agora, se o Palmeiras fizer uma grande partida e derrotar o São Paulo, o resultado pode significar perfeitamente que havia problemas entre Muricy e o time. E que o ambiente no futebol não era bom. Importante: não que os jogadores o tenham derrubado. Nada disso. É que quando não se faz as coisas com alegria  com felicidade, a qualidade do produto final dificilmente é boa - isso serve para todos os segmentos, todas as profissões.

O grande problema do Verdão é que a torcida tem-se manifestado contra a demissão de Muricy e poderá hostilizar o novo treinador ao longo dos 90 minutos.

Amanhã ainda tem Santos, que é o líder e a grande sensação do Paulistão.  E se a equipe de Dorival Júnior jogará desfalcada de Neymar e Ganso, ambos suspensos, terá Robinho  e o jovem André, que tem mostrado futebol de qualidade . O adversário será o Mirassol, no Estádio Municipal,  Hoje, o Corinthians enfrenta o Rio Branco, na Arena de Barueri, com um time misto. Sua preocupação maior é a estréia na Libertadores, quarta-feira, contra o Racing de Montevidéu .

Por Maria às 13h51

Espetáculo imperdível no Mineirão

      

Entre Galo e Raposa, ninguém se mete que a briga é boa 

 

Cruzeiro é o terceiro colocado, atrás de  Democrata e Ipatinga. Atlético Mineiro é o sexto, tendo ainda à sua frente Tupi e Vila Nova. Detalhe: os dois têm um jogo a menos e quem vencer dará importante salto na tabela. Agora, independentemente da classificação, quando as duas equipes  se enfrentam o dia se torna especial para o povo mineiro. Mesmo quem não torce para nenhum dos dois clubes fica antenado neste tradicional clássico, que se torna ainda mais atrativo quem vai assisti-lo no Mineirão.

Se dentro de campo as estrelas são os jogadores, pode-se dizer que Vanderlei Luxemburgo e Adilson Batista brilham intensamente fora das quatro linhas. 

Resta saber como a torcida cruzeirense se comportará em relação a Vanderlei,  que, na temporada de 2003, comandou a Raposa nas conquistas do Campeonato Mineiro, da Copa do Brasil e do Campeonato Brasileiro.

Sinceramente, gostaria de estar hoje à tarde no Mineirão.

Por Maria às 11h51

19/02/2010

Tapete verde para Zago no Verdão

Se Muricy Ramalho é uma página virada no Palmeiras que estendam tapete vermelho - ô desculpem-me: estendam tapete bem verde para Antonio Carlos Zago, ex-zagueiro do Verdão (para mim,  muito bom por sinal) e que ele possa realizar  excelente trabalho. De repente, quem sabe está surgindo um grande treinador?

Antonio Carlos Zago foi o técnico do São Caetano na goleada de 4 a 1 sobre o Palmeiras em pleno Palestra Itália e que provocou a queda de Muricy Ramalho.

Mas é bom que Zago comece logo a trabalhar e a conseguir resultados. O Santos de Robinho, Neymar e Ganso, goleou o Bragantino por 6 a 3 , na Vila - Robinho (dois), André (dois),  Wesley e Zé Eduardo -. e agora lidera o Paulistão com 22 pontos, nove a mais que o Palmeiras.

Por Maria às 00h16

18/02/2010

Muricy subiu no telhado... e caiu

Depois do vexame vivido pelo Palmeiras ao ser goleado de 4 a 1 pelo São Caetano em pleno Palestra Itália , estava na cara que ia sobrar para Muricy Ramalho e o mal humorado treinador estava com os dias contados. Corrijo: "dias", não. Com as horas contadas. E não deu outra.  Ele foi demitido e pelo visto, para muitos torcedores e para a cúpula do clube, o Verdão resolveu todos os seus problemas. 

Certamente, os dirigentes sabem que Muricy foi o técnico que conduziu o São Paulo ao tricampeonato brasileiro, entre outros títulos.  Mas pelo visto, acham que ele esqueceu  tudo e não conhece mais futebol  porque a equipe que lhe foi entregue  é muito boa.

Vale até repetir a sábia frase do Odair, porteiro do meu prédio,  e  já mostrada aqui no Blogdomaria: “Chefe... quando o time é bom, técnico nenhum consegue atrapalhar”.

 

 

Por Maria às 18h05

Muricy... Muricy...

Das duas uma; aliás das três... uma, no Paulistão: tem time grande jogando como pequeno,  tem time pequeno jogando como grande; ou está tudo mais ou menos igual. 

 Ao que parece, o Verdão encabeça a lista de incertezas neste momento atípico do Paulistão.

 

Victor Simões x Thiago Neves

Victor Simões (ex-Botafogo), do Al Ahli, e Thiago Neves (ex-Flu e seleção brasileira), do Al Hilal, decidem amanhã a final da Copa do Príncipe, na Arábia Saudita.

O Pantera espera que os bons fluidos alvinegros o iluminem e o ajudem a vencer o atual campeão: "Joguei três paridas, venci as três e marquei quatro gols. Vivo bom momento e nosso time não conquista nada desde 2007. A hora é essa e uma vitória valorizará ainda mais a conquista".

Por Maria às 11h28

Que aniversário hein Adriano ...

Botafogo derrotou o Flamengo por 2 a 1, de virada, e vai disputar com o Vasco, o título da Taça Guanabara, domingo, no Maracanã. O duelo Adriano-Vagner Love contra El Loco Abreu e Herrera não aconteceu. E os gols foram marcados pelos coadjuvantes: Vinicius Pacheco fez 1 a 0, colocando o Flamengo em vantagem, mas ainda no primeiro tempo Marcelo Cordeiro empatou.  Caio, aos 38m do segundo, marcou o gol da vitória. A torcida alvinegra fez a festa merecidamente e já se mobiliza para a grande decisão.

O discurso dos jogadores do Flamengo ao deixarem o campo era de que a equipe rubro-negra tinha sido melhor.  Mas no futebol não adianta pressionar mais, criar inúmeras chances e não ter competência para aproveitá-las.

Vagner Love e Adriano desperdiçaram oportunidades de ouro e a torcida rubro-negra, que antes de o jogo começar cantou "Parabéns para você" numa homenagem ao Imperador, que completava 28 anos, deixou o Maracanã desolada. Levando-se em conta a importância da partida, bem como a histórica rivalidade entre os dois clubes, um público de 32 mil pagantes foi  bem abaixo do esperado, Esperava-se em torno de 70 mil torcedores.

A decisão de domingo promete. Ainda mais porque o Botafogo fará o possível e o impossível para conquistar o título em cima do Vasco, que o goleou por 6 a 0 na Taça Guanabara.

 

Que momento hein Verdão ...

 Para mim é inconcebível um time de grande investimento ser goleado por um de menor investimento. Uma coisa é perder outra é perder por goleada. E foi o que aconteceu o Palmeiras. Jogando dentro do Palestra Itália e praticamente com todos os titulares, o Verdão perdeu de 4 a 1 para o São Caetano, que o ultrapassou na tabela.

O São Caetano é um bom time?  Sim, é um bom time, mas que alguma coisa está errada no Palmeiras gente... isso ninguém pode negar.

 

Que partida hein ...  'Imperador' Souza

Já o Corinthians cumpriu o papel de time grande e atropelou o Mogi Mirim, no Estádio João Paulo II: 3 a 0. E  quem brilhou foi o atacante Souza, autor de dois gols - o outro foi marcado por Chicão. Se o Imperador Adriano,seu companheiro nas seleções brasileiras de base, não conseguiu nada para o Flamengo, no Maracanã, Souza fez direitinho o seu papel.  

 

 

 

...

Por Maria às 00h42

17/02/2010

Fim do Carnaval, o Rio festeja o futebol

De um lado Adriano Imperador e Vagner Love. Do outro, El Loco Abreu e Herrera. O duelo das duplas de atacantes tem tudo para ser fascinante. O Maracanã abre suas portas para Flamengo e Botafogo decidirem quem será o adversário do Vasco na final da Taça Guanabara.

Que o espetáculo seja de gala, inspirado no brilho mostrado pelas escolas de samba na Sapucaí.

Sorte para Flamengo, Botafogo, trio de arbitragem e torcedores. E que o Maracanã viva um clima de paz  absoluta dentro e fora do campo.

Por Maria às 11h07

16/02/2010

Será o duelo de bons ataques contra péssimas defesas?

Claro que Vagner Mancini e os jogadores do Vasco estarão de olho neste Botafogo e Flamengo, que disputam o direito de  enfrentar a equipe vascaína na final da Taça Guanabara.  Se estatística significar a verdade verdadeira será um jogo de muitos gols.

Querem ver? Se o ataque rubro-negro foi o mais “contundente” da Taça Guanabara e  marcou 21, sua defesa foi uma das mais “contundidas” ou melhor uma das mais vazadas e assim como a do Botafogo, levou 13 gols.  A equipe alvinegra marcou 18 gols.

Portanto, os números estão aí...  E  se os números forem precisos como as cartas - os ciganos garantem que as cartas não mentem jamais -, o jogo tem tudo para não terminar em 0 a 0 no tempo normal como Vasco x Fluminense. Será?

Por Maria às 23h56

15/02/2010

Adriano comanda o ensaio geral

Se o Carnaval  Carioca representava um tormento para a torcida rubro-negra, pode-se dizer que não há motivo para o torcedor se preocupar. À exceção de Kleberson, que está com problema muscular na coxa, todos se apresentaram ao técnico Andrade no horário marcado e  quando os exercícios começaram no Ninho do Urubu, o que não faltou foi disposição.

Numa cadeirinha do lado de fora do campo a presidente Patrícia Amorim assistiu a tudo. Contente com o que viu, ela está certa de que o a equipe está pronta para uma grande exibição contra o Botafogo, quarta-feira, no Maracanã, decidindo uma vaga na final da Taça Guanabara.

Adriano nem ao sambódromo foi e , dentro do campo, comandou o ensaio geral para a decisão: mostrou aplicação e vontade de decidir. Para alegria da torcida rubro-negra, o Imperador está inteirinho e cheio de gás. Petkovic que estava afastado, reapresentou-se, mas deve ficar no banco.

 

Final com Vasco, idéia fixa alvinegra

 

O Botafogo sabe que o Flamengo será um adversário dificílimo. Mas o técnico Joel Santana vem fazendo a cabeça dos jogadores. Argumentos não faltam: como a equipe rubro-negra é apontada como favorita, até porque é a atual campeã brasileira, derrotá-la  representará incontestável demonstração de força do Botafogo. E, mais:  ganhar do Vasco numa final ajudará o torcedor alvinegro superar a decepção vivida em razão da humilhante goleada de 6 a 0 imposta pelos vascaínos na Taça Guanabara.

Por Maria às 18h19

14/02/2010

Dorival Jr desata o nó, o Santos vence e lidera

No primeiro tempo do Pacaembu, parecia que o time de azul era o  Santos e o de branco o Rio Claro.  O de branco não viu a cor da bola e só deu o de azul. É que o técnico Paulinho MacLaren deu um nó tático daqueles no Dorival Júnior e o lider Santos parecia amarrado e sem soluções.

Já o Rio Claro, que ocupa as  últimas colocações do Paulistão, era o dono da festa: foi mais competente no desarme, na criação de jogadas e parecia mais perto do gol. E foi o que aconteceu: Jackson marcou no final do primeiro tempo e o 1 a 0 .

Só que no intervalo, no papo com os jogadores, Dorival Júnior desatou o nó e o  time de uniforme branco voltou bem melhor: chegou ao empate com André, que entrou no lugar de Marquinhos; e, aos 44m, Giovanni, que substituiu Germano, marcou o gol da vitória. E o Santos se isolou na liderança do campeonato.

O Rio Claro teve Ernando expulso na metade do segundo tempo. Robinho ainda parece sem ritmo de jogo.  

 

Por Maria às 21h27

Sobre o autor

Antonio Maria Filho é jornalista esportivo desde 1970 e cobriu as últimas 9 Copas do Mundo. Esteve a serviço em duas Olimpíadas e dois Mundiais sub-20. Também marcante em sua carreira foi seguir todos os passos do Flamengo na conquista do Mundial Interclubes, em 1981, no Japão, na final contra o Liverpool.

Sobre o blog

Baseado no Rio de Janeiro, o Blog do Maria dirige o olhar treinado do experiente jornalista para o futebol atual e traz bastidores do mundo esportivo acumulados ao longo de quatro décadas de carreira.