Blog do Maria

06/03/2010

Perguntar não ofende

Com todo o respeito, até porque o problema é delicado. Mas cabe uma pergunta: pessoas com crise depressiva buscariam refúgio num baile funk?

Que os especialistas me respondam.  

 

Em tempo, vale lembrar mensagem de um  outro post

Sempre tão combatido (e dava razão para isso), Robinho é agora um exemplo de profissionalismo e comportamento. Parabéns e continue assim. O Santos e o futebol brasileiro precisam de você. .

Por Maria às 11h34

05/03/2010

Um "Boi Tatá" rubro-negro. Só pode ser

Não entendo porque o Flamengo não reúne a imprensa para relatar o que realmente acontece com Adriano e  as razões de o clube conceder-lhe tantos privilégios. Robinho chegou de Londres e levou o Santos a mais uma vitória no Paulistão. O Imperador, que já não treinara na véspera do embarque para Europa, não apareceu hoje para treinar. E mais: não enfrentará o Resende, neste sábado; e nem mesmo o Caracas, quarta-feira, pela Libertadores.

A comissão técnica rubro-negra anuncia que o motivo é recondicionar o Imperador. Como recondicionar se o exigente Dunga o convocou para a seleção brasileira?

O vice de futebol, Marcos Braz, explicou que o atacante tem problemas pessoais conhecidos e notórios . Sinceramente, que  problemas seriam esses? Será que briga com namorada (ou noiva) justifica tantas regalias? Para mim, embora eu não saiba qual seja, o problema deve ser bem mais sério e delicado. Não há outra explicação.

Está na hora de Patrícia Amorim colocar “o pingo nos is”.

Por Maria às 21h16

Botafogo e Flu vencem. E poucos testemunham

O Engenhão abriu suas portas para rodada dupla do Estadual do Rio: Botafogo, campeão da Taça Guanabara e já finalista da competição, vivendo portanto um bom momento, enfrentou o Duque de Caxias e venceu por 2 a 1 na partida principal. O Fluminense, outro candidato ao título, derrotou o Tigres por 3 a 0, na preliminar.

Portanto, duas grandes equipes em ação. Mas, apesar disso e do bom momento que atravessam, elas não conseguiram mexer com o coração dos seus torcedores. Apenas 2.248 torcedores pagaram ingresso para assistir os 180 minutos de futebol.

Domingo, Botafogo e Fluminense se enfrentam e certamente a partida vai lotar o Maracanã, até porque o maior estádio do mundo reduziu sua capacidade para 80 mil lugares.

Vamos ver o que acontece.

Por Maria às 01h26

Robinho está mesmo de volta

Robinho não quis saber do desgaste provocado pelo amistoso do Brasil contra a Irlanda e muito menos do cansaço causado pelo vôo Londres-Rio. Apresentou-se ao técnico Dorival Júnior e mesmo sendo lançado no segundo tempo foi decisivo na vitória de 3 a 2 sobre o Paulista de Jundiaí, no Estádio Jaime Cintra. A vitoria deixa o Santos numa liderança confortabilíssima. Com 31 pontos,  a equipe santista tem quatro a mais que o vice-líder Santo André e 15 de vantagem sobre o Palmeiras, o décimo colocado.

 

Pelo que  tem mostrado dentro e fora de campo desde que voltou ao Santos, Robinho está bem próximo daquele Robinho que encantou o Mundo, diferente do jogador que até pouco tempo era alvo de muitas críticas na Europa e amargava a reserva do Manchester City.

 

Não apenas o Santos agradece esta transformação. O futebol brasileiro também agradece  e comemora. 

Perguntar não ofende: O Corinthians começa a lembrar o Palmeiras?

 

 

 

 

Por Maria às 01h02

04/03/2010

Verde, a cor da esperança

Depois da derrota do Palmeiras para o Rio Claro, que estava nas últimas colocações, comentei no blog: “O que me deixa preocupado é que a derrota de 1 a 0 do Palmeiras para o Rio Claro, que ocupava as últimas colocações do  Paulistão, não me surpreendeu”.

E se escrevi isso era sinal de que o Palmeiras não me inspirava confiança, estava mal e mostrava muitas deficiências. E, infelizmente, percebo que eu estava certo. O grande Verdão, grande mesmo e tradicionalíssimo clube com história de lindas conquistas e de tantos ídolos, vive um momento terrível.

Mesmo se levarmos em conta que o Santo André ocupa a vice-liderança do Paulistão, essa derrota por 3 a 1 dentro do Palestra Itália e na forma como aconteceu é inconcebível. Pelo menos em outra época e até pelo investimento de um e do outro clube.

A culpa não é de Antônio Carlos Zago, como não era de Muricy Ramalho e muito menos do excelente goleiro Marcos, que ate já admite parar no fim da temporada.

De longe, não sei o que realmente provoca tudo isso. Cabe aos grandes palmeirenses  se reunirem, estudarem e discutirem o momento. Mas que discutam com a  razão, sem deixar a apaixonada voz do coração ditar.  

 

Por Maria às 11h47

Estaduais agonizam e pedem socorro

Os campeonatos estaduais estão morrendo. Faço e continuarei fazendo tudo para salvá-los. Não podemos esquecer que a força do futebol brasileiro nasceu em razão das competições regionais. Cabe aos dirigentes revivê-las, ressuscitá-las.  O do Rio de Janeiro agoniza, vive de terimoso. Ontem, jogaram Flamengo e Vasco, duas das maiores torcidas do Brasil. Os rubro-negros venceram o Madureira por 2 a 0, no Maracanã, um estádio com capacidade para 90 mil torcedores, mas que nesta partida apenas 2.190 pagaram ingressos. Os vascaínos derrotaram o Bangu pelo mesmo resultado, no Engenhão, um estádio com pelo menos 60 mil lugares, mas que ontem apenas 932  pessoas pagaram ingresso.

A realidade é dura, terrível e talvez sem volta: dos 150 mil lugares disponíveis nos dois estádios cariocas, apenas 3.122 foram ocupados por torcedores que passaram pelas bilheterias.

 Nos outros grandes centros, o problema é parecido.

 

 

Por Maria às 11h36

03/03/2010

Parabéns Galinho!

                                                                                  Foto do Maria

Dr. Cotecchia, Zico, Carpegiani, eu e Raul antes da decisão em Tóquio

Meu grande abraço para Zico, que, hoje, completou 57 anos. E dia do seu aniversário é comemorado por 37 milhões de rubro-negros. Embora eu não seja flamenguista, coloco-me neste grupo. Assim, sua festa terá 37.000.001 convidados. Como repórter, cobri a grande fase do Flamengo e estive com a equipe rubro-negra em todos os jogos da Libertadores e. depois na decisão do Mundial Interclubes, em Tóquio. Zico  sempre foi nota 10. Gente da melhor qualidade. Que seja muito feliz. 

Por Maria às 19h27

Espelho, espelho meu: "por que Daniel Alves não é titular"?

A mídia exalta a atuação de Robinho na partida contra a Irlanda. Tudo bem, marcou um golaço. Tanto a troca de passes quanto o arremate final de Robinho foram uma pintura – e ficou por aí. Aliás deu uma bela pedalada, que não resultou em nada e no lance do primeiro gol estava impedido

Agora o que me intriga mesmo e me questiono  é a razão de Daniel Alves não ser titular desta seleção. Não sou o dono da verdade e opinião é uma coisa muito pessoal. Mas penso assim: ele é o que melhor se apresenta quando escalado na lateral esquerda e também se destaca como apoiador, como aconteceu ontem.

Todas as vezes que Daniel Alves foi lançado por Dunga a seleção ganhou em qualidade, como aconteceu contra a Irlanda. Ao substituir Ramires, a equipe passou a tocar melhor a bola, o ataque se tornou mais efetivo sem que a defesa corresse riscos.

Uma curiosidade sobre o bom baiano de Juazeiro: a imprensa espanhola garante que Daniel Alves, do poderoso Barcelona, cuida-se física e tecnicamente; dentro e fora de campo tem comportamento exemplar; e não abre a guarda nem em relação à aparência.

Quando perguntei “como na aparência "? Um jornalista catalão me mandou duas fotos. Com todo respeito, claro (e nem poderia ser diferente) vejam abaixo o bom resultado  da plástica nas orelhas à qual o jogador se submeteu ano passado após a Copa das Confederações.   

 

  

Antes                                                 Depois  

Por Maria às 12h52

02/03/2010

Valeu pelo reencontro de Dunga com a seleção

Brasil 2, Irlanda 0. Depois deste último amistoso antes da Copa que sensação ficou dentro do peito da gente? Otimismo? Pessimismo?

Diria, nenhuma das duas. Acho apenas que o Brasil precisará mostrar mais futebol do que o exibido no Emirares Stadium, em Londres. Mas não se pode exigir isso de um time que se apresentou praticamente na véspera e treinou apenas uma vez?

À exceção da linda jogada que resultou no gol de Robinho, o segundo do Brasil,  aos 31 minutos do segundo tempo, pouco se viu de interessante no jogo.

O primeiro gol aconteceu aos 43 minutos do primeiro tempo e de forma irregular, já que Robinho estava impedido no início do lance. E quem marcou foi o irlandês Keith Andrews, que tirou a bola do goleiro.

A seleção só melhorou quando Grafite entrou no lugar de Adriano e Daniel Alves no de Ramires. O lateral Michel Bastos não é o lateral dos sonhos e Kaká não mostrou seu padrão habitual.

Mas  se levarmos em conta que Dunga almoçou, jantou, tomou café da manhã, conversou e dormiu com a seleção brasileira, até que o amistoso valeu. E muito.

 

 

Por Maria às 20h15

Chicão não dá corda para o Neymar

Chicão não entra nessa, não. Para que chamar Neymar de pipoqueiro e mimado? Ele só te deu aquele balãozinho porque o jogo estava parado e vc não esperava. Acho até que foi uma atitude desrespeitosa a dele.  Mas se eu fosse vc, em vez do empurrão, numa demonstração de que vc ficou irritado, simularia através de gestos o pedido de autógrafo para ele ou então também através de gestos para o publico entender, chamaria um companhero do Corinthians para tirar uma foto sua ao lado dele.

Sei lá... acho que Neymar é que ficaria na pior.

Neymar é muito bom de bola e ainda tem muito o que aprender em termos de comportamento. Mas torço pelo amadurecimento dele porque sou fã do futebol que ele exibe. 

 

Em tempo:

Pelos comentários, sinto que a grande maioria  dos amigos acha que estou defendendo o Chicão e condenando o Neymar. Não é nada disso. Se eu fosse o árbitro teria mostrado vermelho para Chicão e amarelo para Neymar. Como sou contra atitudes violentas, sugeri a Chicão que em vez do empurrão, ele optasse por uma resposta espirituosa. Não sou santista e nem corintiano, mas gosto dos dois clubes e fico dividido quando os dois se enfrentam.

Por Maria às 13h13

Brasil x "Fantasma" da contusão

Pelo que li hoje num jornal, a seleção brasileira enfrentará a Irlanda peocupada com a possibilidade de alguém se contundir e não disputar a  Copa do Mundo.

Não entendi direito. Pensei... pensei... e, me perguntei: quem marca os jogos não é a CBF?  Irresponsabilidade da entidade?

Respondo: esta preocupação é uma grande bobagem. Claro que alguém pode se machucar até mesmo tropeçando no degrau da calçada. Só que faltam mais de três meses para a Copa do Mundo. Além disso, depois do amistoso contra a Irlanda, um encontro sem rivalidade ou tradição alguma, todos esses jogadores disputarão partidas quentíssimas por seus respectivos clubes.

E  garanto que ninguém vai tirar o pé com medo de se machucar. Portanto, trata-se de uma preocupação simplesmente ridícula.

Portanto gente, vamos jogar sem medo, né?

Por Maria às 11h43

01/03/2010

Brasil, mostra a tua cara!

A exatamente 100 dias para o início da Copa do Mundo, Brasil e Irlanda se enfrentam  nesta terça-feira, em Londres. Detalhe: será o último amistoso da seleção brasileira antes da convovação final de  Dunga  para a Copa da África do Sul. Portanto, um jogo especial para avaliarmos a força da seleção brasileira e  sentirmos o que ela poderá fazer no Mundial.

É bem verdade que o titular Luís Fabiano, com problema muscular, não jogará. A dupla de ataque do Brasil será Adriano e Robinho.

O Brasil ocupa a segunda colocação no ranking da Fifa (Espanha lidera), enquanto a República da Irlanda a 37ª. posição e está fora da Copa.

Para mim, pelo que vem mostrando nesta reta de chegada, Ronaldinho Gaúcho deveria ser relacionado. O que pensa você? Algum outro jogador poderia estar no grupo?

O Brasil deve enfrentar a República da Irlanda assim: Júlio César: Maicon, Lúcio, Juan e Michel Bastos; Gilberto Silva, Felipe Melo, Ramires e Kaká; Robinho e Adriano

Por Maria às 17h58

28/02/2010

Flu está vivo e assume a ponta

O Fluminense mostrou que está vivo no Estadual. Se na véspera o Flamengo venceu o Macaé por 4 a 1 e parecia que terminaria a primeira rodada na liderança, a equipe tricolor  pegou o Friburguense, aplicou goleada ainda maior (5 a 1) e é o líder pelo critério do saldo de gols.

Cuca armou uma equpe bem ofensiva e o resultado poderia ter sido ainda maior. A novidade  ficou por conta da entrada de André Lima, que entrou na metade do segundo tempo e marcou o quinto gol aos 41 minutos. Os outros gols: Fred e Wellington Silva marcaram no primeiro tempo; Everton e Conca no segundo e Wallace para o Friburguense.

 

Cadê a torcida do Vasco?

Diante de apenas 986 pagantes, o Vasco sofreu em São Januário para vencer o Volta Redonda. Mas saiu na frente com um gol do talentoso Phillipe Coutinho.

A torcida sofreu... e  como. Até que aos 30m do segundo tempo Elton aumentou para 2 a 0 e veio um  alívio. Mas um alívio  com cinco minutos de duração, já que Adriano, o que não é o Imperador, mrcou para o Volta Redonda e os 10 minutos finais foram de muita tensão.

Os três pontos foram significativos: se o Botafogo lidera o Grupo B por ter melhor saldo de gols que o Vasco, as demais equipes da chave perderam  o confronto com os times do Grupo A e estão com zero ponto.

 

Por Maria às 20h21

Santos lidera e Neymar é artilheiro

O Santos está demais. Derrotou o Corinthians por 2 a 1 e vem fazendo campanha de  time campeão. E olha que não contou com Robinho, que viajou com a seleção brasileira para Londres, Mas Neymar deu conta do recado e foi o destaque. Se perdeu um penalti, marcou belo gol e deu passe para André ampliar.  Com oito gols, ele é agora um dos artilheiros do Paulistão.Dentinho diminuiu.

 A equipe de Dorival Júnior lidera com quatro pontos de vantagem sobre o Santo André, que vem em segundo e, pasmem: tem oito à frente do São Paulo (o quarto) e nove de diferença sobre o Corinthians, o quinto. Imaginem quando Robinho voltar...

 

Fernandinho é isso tudo?

O São Paulo promoveu a estréia de Fernandinho e o atacante não brincou: lançado para começar o segundo tempo, ele simplesmente marcou quatro dos cinco gols na vitória de 5 a 1 sobre o Monte Azul, em Barueri - o outro foi de autoria de Léo Lima, no primeiro tempo. Só que o tricolor paulista continua com oito pontos a menos que o Santos e não pode facilitar.

Pelo andar da carruagem, a partir de agora o São Paulo será Fernandinho e mais dez.  

 

Tropeço do Palmeiras não surpreende

O que me deixa preocupado é que a derrota de 1 a 0 do Palmeiras para o Rio Claro, que ocupava as últimas colocações do  Paulistão, não me surpreendeu. Em outros tempos, diria: “Futebol é assim mesmo, isso pode perfeitamente acontecer”.

Só que o momento é diferente. O Verdão está mal mesmo e se o tropeço diante do Rio Claro se tratasse apenas de  um acidente de trabalho, o Palmeiras certamente não se encontraria na oitava posição, com 12 pontos a menos que o líder Santos.

Que tem alguma coisa errada, isso tem. Ajudem-me a descobrir.

Por Maria às 19h45

"Até a pé nós iremos..."

 

O Grêmio derrotou o Novo Hamburgo por 1 a 0, conquistou o primeiro turno e garantiu sua presença na final do Campeonato Gaúcho.

O time dirigido por  Silas jogou bem? Não, não jogou. Mas ganhou e a vitória foi para lá de importante em termos psicológicos. A partir de agora, com mais calma, Silas poderá trabalhar o time sem tanta pressão.

Vejam como são as coisas: o gol foi marcado ainda no primeiro tempo por Ferdinando, que teve o nome vaiado ao ser anunciado pelo sistema de som do Estádio Olímpico.

Parabéns, Grêmio. : Mas não esqueça: a luta continua.

Por Maria às 19h20

Bem-vindos Ricardo Gomes e Couto Pereira

  

 Ricardo Gomes e o Couto Pereira em plena forma

A volta de Ricardo Gomes ao comando do São Paulo após superar pequeno problema circulatório e a reabertura do Estádio Couto Pereira, que ficou quase três meses interditado em razão de sério conflito entre torcedores, são para mim as melhores notícias do fim de semana.

1 -  Que Ricardo Gomes se cuide, faça um controle diário de seu organismo, para não correr risco algum. Além de bom profissional, trata-e de uma pessoa íntegra em todos os sentidos. 

2 - Que aqueles torcedores do Coritiba tenham aprendido a lição e a partir de agora sejam os primeiros a "lutar" - lutar no bom sentido - pela ordem. Até porque, considero o Paraná um Estado exemplar em vários aspectos e um deles pelo nível e educação dos paranaenses, que nada têm em comum com aquela bandidagem.

.

Por Maria às 10h53

Vagner Love é o artilheiro do Estadual

O Flamengo goleou o Macaé por 4 a 1, mas Andrade tinha toda razão ao criticar a defesa no final da partida. Para o treinador, além de se mostrar desatenta e de errar seguidamente, ela  não consegue terminar uma partida sem sofrer gol. O primeiro tempo terminou com empate em 1 a 1, Vagner Love marcou em cobrança de pênalti e Laio empatou. No segundo, o time rubro-negro voltou mais determinado, venceu com sobras e assumiu a liderança do Grupo A. Vinícius Pacheco marcou o segundo e o quarto gols e Vagner Love o terceiro.

Com oito gols, Vagner Love, lidera a artilharia do Estadual.

Por Maria às 23h47

Sobre o autor

Antonio Maria Filho é jornalista esportivo desde 1970 e cobriu as últimas 9 Copas do Mundo. Esteve a serviço em duas Olimpíadas e dois Mundiais sub-20. Também marcante em sua carreira foi seguir todos os passos do Flamengo na conquista do Mundial Interclubes, em 1981, no Japão, na final contra o Liverpool.

Sobre o blog

Baseado no Rio de Janeiro, o Blog do Maria dirige o olhar treinado do experiente jornalista para o futebol atual e traz bastidores do mundo esportivo acumulados ao longo de quatro décadas de carreira.