Blog do Maria

11/09/2010

Flamengo desaprendeu a jogar futebol

Os rubro-negros que me desculpem. Poucas vezes vi um time grande tão desorganizado quanto o do Flamengo, que se defende mal e ataca pior ainda

Desta vez, recebeu o Vitória em Volta Redonda e ficou no 2 a 2 a duras penas.

Uma constatação: Silas ainda não conhece os jogadores do Flamengo. Kleberson não pode ser reserva de um time tão fraco quanto este: o volante entrou no início do segundo tempo, marcou dois gols e quase fez o terceiro ao acertar o travessão do goleiro Viáfara. Val Baiano e Deivid sequer assustaram.

O Vitória saiu na frente com gol de Junior. Kleberson empatou, mas pouco depois Schwenk desempatou. 

Flamengo, que parecia derrotado, tornou a empatar a cinco minutos do fim.

O resultado foi ruim para os dois. E pior para o Flamengo, que tinha o mando de campo.

Por Maria às 21h20

Flu e Corinthians juntos até nos tropeços

O líder Fluminense perdeu para o Atlético Goianiense por 2 a 1 e o vice-líder Corinthians, jogando no Pacaembu, foi derrotado pelo Grêmio por 1 a 0. 

E que se cuidem, porque se o Botafogo derrotar o São Paulo, no Engenhão, e o Cruzeiro vencer o Avaí, na Ressacada, encurtarão inda mais a diferença.

O Fluminense começou bem o jogo, saiu na frente através de uma bela jogada dos seus principais jogadores: Deco tocou para Conca, que serviu para Washington marcar aos 22 minutos.  William empatou pouco depois e o primeiro tempo ficou nisso.  Quando parecia que o jogo terminaria empatado, Juninho desempatou nos acréscimos. Um castigo para o time tricolor.

O Corinthians jnão foi o Corinthians. Grêmio é que parecia jogar em casa. Seu gol foi marcado por Douglas ainda no primeiro tempo.

E não era mesmo dia do Coringão, que até pênalti perdeu:  Iarley cobrou e Victor defendeu. No lance que originou a penalidade - por sinal, lance discutível -, Vilson foi expulso.

Nem com um homem a mais desde os 13 minutos do segundo tempo, o Corinthians teve competência para vencer.

 

Por Maria às 21h05

Um inesquecível 11 de setembro

                          

                                            A campeã olímpica  Maurren Maggi

Hoje, dia 11 de setembro, a primeira coisa que vem à nossa cabeça é a trágica lembrança dos atentados terroristas às Torres Gêmeas, ao Pentágono, e um terceiro na Pensilvânia. 

Mas tenho boa lembrança de um 11 de setembro e vou contá-la: exatamente um ano depois do atentado, eu e meu filho Gustavo, também jornalista, resolvemos aproveitar as férias, para queimar algumas milhagens aéreas e viajar para Paris.

Não foi difícil marcar o vôo porque pouca gente se aventurou viajar no primeiro aniversário (se é que podemos chamar de "aniversário") da tragédia vivida pelos norte-americanos.

Pouco antes que o jantar fosse servido à bordo, passava pelo corredor uma moça cuja fisionomia não me era estranha.

Era Maurren Maggi. Cumprimentamos a jovem atleta um tanto surpresa por ser reconhecida à bordo do avião.

Atenciosa, ela nos contou que viajava para participar do Grand Prix de Paris. Era uma quarta-feira e sua prova seria no sábado.

Perguntamos sobre suas chances e, muito otimista, respondeu-nos.

- Sonho com a medalha de ouro, mas o pódio também é uma vitória.

Prometemos assistir sua prova. E não é que Maurren ganhou a medalha de ouro, superando se não me engano uma saltadora russa.

Eu não podia imaginar que, anos depois, nos Jogos de Pequim, aquela pessoa tão simples se transformaria em grande heroína olimpica do Brasil por conquistar a primeira medalha de ouro em prova individual feminina. 

Não é uma boa lembrança?

 

Por Maria às 11h40

10/09/2010

Quem aposta na vitória do Fla amanhã?

A situação do Flamengo é realmente complicada: a equipe rubro-negra enfrentará o Vitória, sábado, desfalcada do seu principal articular de jogadas de ataque: Leonardo Moura, que recebeu o terceiro cartão amarelo na partida contra o São Paulo. Além dele, Willams um dos mais participativos, poderá ficar de fora em razão de dores musculares.

Em tempo: o jogo Flamengo x Vitória é no dia 11 de setembro.

 

O que acontece com o Flamengo mais parece praga.Tanto que nos últimos seis jogos a equipe rubro-negra não venceu e só marcou um gol.

Relembrando os resultados: São Paulo 2 x 0; 0 x 0 Santos; Cruzeiro 1 x 0; Guarani 2 x 1; 0 x 0 Atlético MG;  Atlético PR 1 x 0.

O artilheiro rubro-negro é Vagner Love, que, em julho, voltou para  CSKA e não surgiu ninguém capaz de alcançá-lo; depois, com três, vem o agora reserva Petkovic. Nenhum jogador fez dois gols. Oito marcaram apenas um. Alguns casos: Bruno está preso; Denis Marques foi mandado embora;  Paulo Sérgio está no Estoril.

Por Maria às 11h56

A diferença entre El Loco Abreu e El Loco Scola

      

               El Loco Abreu                                              El Loco Scola

Na crista da onda, El Loco Abreu deixou o professor Natalino com a cabeça quente. O uruguaio, que tem ficado no banco do Botafogo, entrou no segundo tempo da partida contra o Santos e decidiu no minuto final com um golaço. Agora, com todo direito, ele quer mais e a torcida também.

Seu sósia, o hermano Luis Scola, foi o destaque da seleção argentina de basquete neste mundial: na vitória que eliminou o Brasil da competição, ele marcou simplesmente 37 pontos.  A diferença é que a Argentina foi eliminada no jogo seguinte e, embora a estrada do Brasileirão seja bem mais longa, o Botafogo continua na luta pelo título.

Por Maria às 11h45

Para guardar e tê-lo em mãos também

 

Se você tem alguma dúvida sobre o que aconteceu ao longo dos 104 anos de Campeonatos Cariocas, vale conferir .

O lançamento da  "relíquia" será na próxima segunda-feira, na Livraria Travessa (Shopping Leblon), a partir das 19 horas.

 

Por Maria às 08h25

Loco Abreu faz o gol mais bonito do Brasileirão

O Botafogo derrotou o Santos por 1 a 0 com um golaço de Loco Abreu, aos 45m do segundo tempo. 

Na verdade, um gol de placa. Um gol para deixar qualquer jogador talentoso com inveja, como Neymar, por exemplo.

Podem até protestar, mas para mim foi o gol mais bonito do Campeonato Brasileiro. 

A vitória deixou o Botafogo em terceiro com os mesmos 34 pontos do Cruzeiro, mas em vantagem no critério gols.

Importantíssimos os três pontos conquistados pelo Botafogo, já que o Santos é um adversário direto na luta pelo título e o jogo foi em São Paulo.

O próximo adversário do Botafogo será o São Paulo, no Engenhão.

O Pacaembu recebeu um público de 15.472 torcedores

Por Maria às 23h54

PC Gusmão continua invicto, mas Vasco empata

Olha como são as coisas. Tempos atrás, empatar com o Atlético Mineiro não era um mau resultado. Atualmente, com o Galo lá embaixo da tabela sem conseguir sair da zona de rebaixamento, o empate não é bom,  ainda mais quando o jogo é em casa.

E foi o que aconteceu com o Vasco: o time de PC Gusmão saiu na frente, com o gol de André Luís aos 37 minutos do primeiro tempo, mas aos  40  do segundo Ricardinho empatou em cobrança de pênalti.

PC Gusmão se mantém invicto no Campeonato Brasileiro, mas reclamou tanto da marcação do árbitro Cleber Abade que acabou expulso.

Achei o  Atlético melhor do que em outras partidas. Se continuar assim sairá brevemente da zona de rebaixamento.

 

Por Maria às 23h48

09/09/2010

O líder Flu está dividido

Fred é um grande atacante. O dr. Michel Simoni um grande médico.

O jogador diz que o médico se precipitou em liberá-lo e ele voltou a sentir a batata da perna. O médico relatou que o jogador estava bem e se colocou à disposição para jogar.

Aí, eu pergunto: "E agora"?

E, horas depois, eu mesmo respondo: sentindo-se ofendido, o dr. Michel Simoni disse que não trabalhará mais no Fluminense.

Por Maria às 19h26

A dolorosa via crucis rubro-negra

O calvário do  Flamengo parece sem fim: sua equipe continua sem fazer gols e, conseqüentemente, sem vencer.  Desta vez seu algoz foi o São Paulo, que ganhou por 2 a 0 (gols de Marlos e Fernandão) e vai subindo de posição a cada rodada  e se aproximando  do G4.

A dupla de atacantes formada por Diogo e Deivid decepcionou uma vez mais: além de não ameaçar nunca, Diogo foi expulso ainda no primeiro tempo.

Os melhores atacantes do Flamengo foram o lateral Leonardo Moura, que acertou uma bola no travessão em cobrança de falta e o zagueiro Jean que obrigou Rogério Ceni a fazer grande defesa após bela cabeçada.

A situação do Flamengo é muito ruim: não vence há seis jogos: São Paulo 2 x 0; 0 x 0 Santos;  Cruzeiro 1 x 0; Guarani 2 x 1;  0 x 0 Atlético MG; e Atlético PR 1 x 0.

O próximo adversário do Flamengo será o Vitória, sábado, no Raulino de Oliveira, em Volta Redonda, já que o Maracanã está fechado.

O Departamento de Futebol rubro-negro viverá dias difíceis.

 

 

Ronaldo faz gol no empate do Corinthians

Os torcedores corintianos comemoraram a volta de Ronaldo Fenômeno, que, em cobrança de pênalti, marcou para o Timão no empate em 1 a 1 com o Atlético PR, na Arena da Baixada. 

Bruno Mineiro fez o gol do Furacão também de pênalti. Por sinal, os dois pênaltis apontados pelo baiano Jaílson Freitas não aconteceram.

O resultado não foi bom para o Corinthians, que ficou a três pontos do Fluminense, embora a equipe paulista tenha um jogo a menos.

 

Por Maria às 00h57

08/09/2010

Flu joga como líder e Cruzeiro entra no G4

Se é verdade que quem começa bem, termina bem, Fluminense e Cruzeiro iniciaram o returno com vitórias importantes.

Ao derrotar o Ceará por 3 a 1, no Engenhão, o Fluminense se mantém na liderança; e o Cruzeiro, que era o sexto colocado, ganhou do Internacional por 1 a 0 e foi dormir no G4, com direito a sonhar com os anjinhos.

O Fluminense marcou os três gols no primeiro tempo: Mariano, aos 5, Washington, aos 22 e 30m. Com a vantagem de 3 a 0, a equipe de Muricy  administrou bem o resultado e o Ceará só diminuiu aos 44 do segundo tempo, através de Geraldo. Com os dois gols, Coração Valente é agora o vice-artilheiro da competição.

No Parque do Sabiá, em Uberlândia, a Raposa venceu bem fez excelente primeiro tempo, quando marcou o seu gol através de Everton. Na etapa final, Cuca tratou de bloquear os caminhos do Internacional e Celso Roth não conseguiu desbloquear. 

O Grêmio penou, mas fez o dever de casa e derrotou o Atlético GO por 2 a 0, gols de Douglas e Borges e já não está tão colado na zona de rebaixamento.  

Por Maria às 22h23

Tevez se considera velho e cansado

           

                     Tevez acha difícil disputar a Copa do Brasil

Surpeendentes as declarações de Carlito Tevez ao Diario Olé após a  goleada da Argentina sobre a Espanha por  4 a 1, em Buenos Aires.

 

"Estou cansado. Tenho 26 anos, estou velho... Os golpes que recebi neste jogo começam a doer demais. É difícil. Se depende de mim não estaria aqui na seleção. Aceito por causa do carinho que eu e minha família recebemos do povo". 

"Sinto que preparado como estive na Copa passada não conseguirei nunca.  Então, fica difícil chegar a 2014.".

"Numa seleção temos que estar 100%, e acho difícil conseguir isso. Esta é a minha forma de pensar".

Por Maria às 17h34

Nação Rubro-Negra está no seu limite

   

Deivid, Diogo, Leandro Amaral e Val Baiano têm qualidades e precisam de tempo. Só que esse tempo não existe

 

O caldeirão rubro-negro está quase em ebulição. Não vou dizer que o Flamengo entrará em profunda crise se for derrotado pelo São Paulo, logo mais no Morumbi, um estádio, que segundo à Fifa não serve para a Copa do Mundo.

Mas o ambiente começará a se complicar seriamente se os atacantes não derem o ar de sua graça neste jogo – o ataque do Flamengo, com 14 gols, é o pior da Séria A. Até o do Goiás, último colocado é mais eficiente: marcou dois gols a mais.

Se a dupla Val Baiano e Leandro Amaral nada conseguiu, a que veio depois formada por Deivid e Diogo, também decepcionou. Claro que o tempo para se entrosarem com a equipe não existiu.  

Mas faz sentido a preocupação da Nação Rubro-Negra: se o Flamengo perder para o São Paulo ficará na portinha da zona de rebaixamento, se o Vitória derrotar o Palmeiras, no Barradão, e o Grêmio ganhar do Atlético GO, no Estádio Olímpico – resultados que podem perfeitamente acontecer.  

E não custa lembrar que há menos de um ano o Flamengo conquistou o Campeonato Brasileiro.

Por Maria às 12h05

Rogério Ceni, 20 anos de conquistas

                

                   Rogério Ceni, herói de muitos títulos importantes

Rogério Ceni merece a homenagem não só dos são-paulinos, com de todos nós brasileiros.

Nesses 20 anos de São Paulo completados hoje, Ceni conquistou os mais importantes títulos para o clube. E que seu comportamento e conduta profissional dentro e fora do campo sirvam de exemplo para as jovens promessas do nosso futebol.

Não poderia deixar de parabenizá-lo pelo dia de hoje e de desejar-lhe toda sorte do mundo.

Por Maria às 23h10

07/09/2010

Perguntar não ofende

                       O "descartado" Morumbi

  

Nou Camp (Espanha/ 82), Rose Bowl (o da final de 94) e o Velodrome (França/98), todos os três receberam jogos importantes e ficaram lotados

Agora eu pergunto, se esses três estádios (entre muitos outros) foram aprovados pela Fifa, serviram e receberam grandes públicos sem problema algum, qual a razão de a Fifa passar a exigir tanto dos pretendentes a sediar jogos, como o Morumbi, por exemplo? 

Se compararmos através das fotos, veremos que assim como acontece com o Morumbi, a grande maioria dos lugares desses estádios não está protegida por marquises.

Só que de uns tempos para cá, não basta reparar os problemas referentes à segurança, ao acesso do público, assim como estacionamento. pois quem não gastar muitos... mas milhões de dólares como exige a Fifa, o estádio será sumariamente vetado.

O Corinthians que se prepare para as exigências de Jérôme Valcke, o todo poderoso secretário-geral da Fifa.

 

 

Por Maria às 14h50

06/09/2010

Candidatos ao título e à Série B

Sem querer dar uma de Gato Mestre, lá vai minha previsão baseado no que vi nas 19 rodadas do Brasileirão.

 

Candidatíssimos ao título: Fluminense, Corinthians e Internacional.

Apenas candidatos: Botafogo e Cruzeiro.

Alguma possibilidade: Santos (perdeu jogadores importantes)

Sonhar com G4: Atlético Paranaense, Vasco  e  São Paulo.

Cumprir tabela: Guarani, Ceará,  Palmeiras, Flamengo, Vitória e  Avaí.

Lutar para não cair: Grêmio, Atlético Mineiro, Atlético Goianiense e Prudente.

Só milagre salva: Goiás.

Por Maria às 19h12

05/09/2010

Palmas para Sérgio Baresi

Um grande e emocionante jogo no Ipatingão: o São Paulo saiu na frente, gol de Casemiro, o Atlético Mineiro virou com dois gols de Obina de pênalti. A vitória parecia nas mãos do Galo, até porque jogava em casa.

Mas, que nada: Marcelinho empatou e Fernandão definiu o resultado: 3 a 2.

Um jogo muito igual e o destaque para mim foi Sérgio Baresi, o técnico interino e que está aproximando o São Paulo do pelotão de cima.

Neste jogo, a entrada de Cléber Santana no lugar de Júnior César feita por Baresi foi definitiva para a virada. Só espero que ele não entre nessa de treinos secretos.

Já o Galo, de Vanderlei Luxemburgo, está numa situação muito complicada: com apenas 17 pontos conquistados na última rodada do primeiro turno, terá que se transformar por completo para fugir do rebaixamento, levando-se em conta que para um clube escapar da série B os matemáticos afirmam que são necessários pouco mais de 40 pontos.

 

Internacional está ligado

O Internacional também brilhou: derrotou o Grêmio Prudente por 2 a 0, no Beira-Rio e entrou no G4. O time de Celso Roth, mesmo sem vários titulares, mostrou-se forte. Os gols foram marcados por Rafael Sóbis e Leandro Damião.

Depois do jogo, Celso Roth analisou com realismo o momento do Internacional e falou que para conquistar o título, a equipe gaúcha não poderá abrir a guarda em momento algum. E está absolutamente certo.

Por Maria às 21h16

Fla se despede do Maracanã sem fazer gol

A torcida  do Flamengo, que anda tão carente em razão do fraco desempenho do ataque rubro-negro no Campeonato Brasileiro, despediu-se do Maracanã sem gritar gol.

A partida contra o Santos ficou no 0 a 0, resultado que deixou o Flamengo mais perto da zona de rebaixamento. 

Pior, o estreante Deivid, a esperança de gols do Flamengo, nada conseguiu e chegou a lembrar Val Baiano ao desperdiçar uma chance incrível – o que não significa que possa dar a volta por cima.

O Flamengo terminou o primeiro turno com apenas 14 gols marcados, o pior ataque do Campeonato Brasileiro.

E olha que o Santos não contou com Neymar (suspenso).

Por Maria às 19h28

Verdão do interior vence o líder de virada. O da Capital...

Se o Verdão da capital paulista chegou aos 2 a 0 sobre o Cruzeiro, com gols de Kleber e Maurício Ramos, mas permitiu a virada da Raposa mineira e perdeu por 3 a 2,  com os gols de Roger, Montillo e  Ernesto Farias, o Verdão do interior, mais conhecido por Guarani,  honrou o verde da camisa e virou para cima do Fluminense, que saiu na frente através de Emerson, mas acabou derrotado porque Baiano e Fabão marcaram em cobranças de faltas.

Talvez tenha sido a pior atuação tricolor no Brasileiro.

Mesmo perdendo, o Fluminense se mantém na liderança com um ponto de vantagem sobre o Corinthians, mas é bom lembrar que o Timão tem um jogo a menos.

No final do jogo, o árbitro Carlos Eugênio Simon chamou Deco. De início, o apoiador ficou preocupando, mas depois relaxou: Simon apenas queria sua camisa de presente.

O Guarani, que estava em 12º lugar se aproximou um pouco mais do G4.

Com a derrota para o Cruzeiro em pleno Pacaembu, o Palmeiras continua afastado do pelotão da frente. Já o Cruzeiro está colado no G4, como os mesmos 31 pontos de Santos, Internacional e  Botafogo, respectivamente terceiro, quarto e quinto colocados.

 

 

Por Maria às 19h10

A hora e a vez do Maracanã

   

Fifa considera Maracanã, Mineirão, Morumbi e Beira-Rio inadeqüados. Morumbi foi até descartado 

Flamengo e Santos fazem hoje a última partida do Maracanã, que fechará suas portas para uma cirurgia plástica imposta Fifa.

Uma pena que aquele que é chamado de "maior e mais belo estádio do Mundo" feche suas portas por dois anos.

Acho que o templo sagrado do futebol brasileiro não precisaria de tanta reforma para receber uma partida de Copa do Mundo.

Já cobri nove mundiais (Alemanha, Argentina, Espanha, México, Itália, Estados Unidos, França, Japão-Coréia do Sul e Alemanha) e acompanhei outras dois aqui no Brasil (México, em 70 e esta última na África do Sul, onde estive duas vezes em amistosos da seleção), entrei em estádios em piores condições que o Maracanã (inclusive nos Estados Unidos), mas que funcionaram perfeitamente na Copa, sem problemas para público, imprensa e convidados.

Mas, como quem manda é a Fifa e quem não segue exatamente como ela quer perde o direito de ser usado na Copa... que se atenda à toda poderosa entidade.

Claro que os estádios precisam ser melhorados para que o torcedor tenha mais conforto. 

Agora, não entra na minha cabeça a necessidade de se fazer imensas obras em estádios, que funcionam normalmente ano após ano, de implodi-los ou de se construir outros .

Pelos motivos acima expostos, até entendo o Fluminense. Mas não adianta nada as ameaças de processar os responsáveis pela interdição do Maracanã.

O Mineirão, outro grande e belo estádio, está fechado. Cruzeiro e Atlético estão jogando no interior. O mesmo acontecerá com o Internacional quando as obras do Beira-Rio começarem.

O Morumbi de tantos clássicos e de imensos públicos simplesmente foi “detonado” pelos super-dirigentes.

Amigos, como quem manda é a Fifa, assim será. Se Joseph Blatter quer, obedeçamos...

 

Por Maria às 11h49

Sobre o autor

Antonio Maria Filho é jornalista esportivo desde 1970 e cobriu as últimas 9 Copas do Mundo. Esteve a serviço em duas Olimpíadas e dois Mundiais sub-20. Também marcante em sua carreira foi seguir todos os passos do Flamengo na conquista do Mundial Interclubes, em 1981, no Japão, na final contra o Liverpool.

Sobre o blog

Baseado no Rio de Janeiro, o Blog do Maria dirige o olhar treinado do experiente jornalista para o futebol atual e traz bastidores do mundo esportivo acumulados ao longo de quatro décadas de carreira.